Pontos Coração do Brasil
Pontos Coração do Brasil
Página inicial

Um movimento Católico

Um movimento eclesial

Pontos Coração foi fundado em 1990 e as suas fundações são aprovadas pelos bispos nas dioceses onde são estabelecidas.

JPEG - 11.3 KB

No Brasil, foi Dom Lucas Moreira Neves, bispo de Salvador de Bahia, que acolheu o Movimento em 1990.

No ano 2000, Pontos Coração recebeu a aprovação oficial da Igreja Católica Romana através do Cardeal Estanislau Esteban Karlic, de Parana – Argentina, como associação privada de fiéis.

No ano 2008, a matriz de Pontos Coração foi transferida para a diocese de Fréjus Toulon, França.

Os Ramos do Movimento Pontos Coração

Os voluntários de Pontos Coração: leigos que se comprometem um ou dois anos, para uma missão de compaixão junto às pessoas que mais sofrem, especialmente as crianças;

As fraternidades São Maximiliano Kolbe: leigos comprometidos a viverem o Carisma Pontos Coração, no mundo, partilhando a preocupação missionária e a cultura de compaixão;

Os permanentes de Pontos Coração: voluntários que acolheram o chamado a consagrar-se, após o tempo da missão, como membro permanente;

A Associação Pública de Clérigos «Molokaï»: sacerdotes que vivem a serviço do Movimento Pontos Coração no mundo;

O ramo religioso: as Servidoras da Presença de Deus: jovens que desejam viver o carisma Pontos Coração como religiosas apostólicas.


Pauline, voluntaria no pontos coração da Tailandia, 2008-2010 Membros da Fraternidade Maximilien Kolbe, Roma junho 2006 Aurélie, permanente, India, 2005 Membros da Fraternidade Molokaï e Cardinal Ratzinger, 2003 Irmã Ines, Servidora da Presença de Deus
Voltar para o início