• 5 de dezembro de 2013
pt_br

Peru: Senhora Elsa, o milagre de uma visita

Irmã Myriam, religiosa baiana em missão no Peru, nos dá notícias da sua missão.

Minha missão continua sempre com mais entusiasmo, e gostaria de compartilhar com vocês o encontro com uma nova amiga do Retamal, invasão situada a 30 minutos de nossa casa e que visitamos cada terça feira. Em uma carta anterior já fiz menção desse lugar. Esta amiga se chama Senhora Elsa, e a conheci quando estava passando para visitar uma amiga. Um senhor me chamou e me disse:

- A senhora pode visitar a minha mãe que fica aqui sozinha o dia todo?

Quando me aproximei para falar com ela, distanciou-se de mim e disse:

- Não preciso de visitas...

Depois dessa decepção fui embora. Uma outra terça-feira, passando na frente da casa dela, eu dei apenas um adeusinho de longe. Outra vez, como de costume, ela estava sentada na frente de sua casa, sozinha; então, com uma outra irmã, paramos e dessa vez ela foi a primeira a vir ao nosso encontro! E aqui já não queria mais parar de falar. Contou-nos toda sua vida e o quanto é difícil para ela viver nesse lugar sem luz, nem água, longe da família, passar o dia sozinha, enquanto antes estava rodeada dos seus netos. Senhora Elza tem 80 anos e passa o dia, mesmo se faz frio, sentada na frente da cabana de seu filho. Ele sai o dia todo para trabalhar ou tentar conseguir o necessário para viver. As vezes ela diz não ter almoçado, volta a contar toda sua história, chora, se alegra com a nossa visita...

O “eu não preciso de visitas”, era somente uma máscara. Perto da sua casa existe um lugar de acolhida para idosos onde eles vão para fazerem artesanato com uma comunidade religiosa. Na próxima quinta-feira, vamos acompanhá-la para a sua primeira vez.

Ir Myriam


Voltar para o início