• 24 de junho de 2011
pt_br

Junto a cruz de cada um

Queridos amigos, Dois eventos muito importantes têm marcado a nossa vida nos últimos meses: a beatificação de João Paulo II e de Ir. Dulce. É comovente pensar que muitos de nos tivemos a oportunidade de vê-los, encontrá-los, de falar com eles. Penso nos testemunhos ouvidos nos últimos dias sobre a Beata Ir. Dulce. Uma de nossas amigas me dizia: Eu me lembro de, quando criança, vê-la passar na feira de São Joaquim, mendigando legumes para seus pobres, e minha mãe me dizendo: «Vai pedir a benção, é ir. Dulce!»

JPEG - 45.6 KB

Pe Thierry, nosso fundador esteve presente na praça São Pedro em 1981 no momento do atentado contra o Papa João Paulo II. Naquela época ele escreveu: «Há dois dias que eu levo no meu coração as imagens cruéis do atentado de João Paulo II (...) Foi no momento em que eu tentava tirar minha mão das barricadas para estendê-la ao Santo Padre que estava bem próximo de mim, e que eu via já desde um certo tempo, que eu ouvi os tiros. Nós pensamos num primeiro momento que eram bombas lançadas por uma criança... Quantas frases da Escritura aplicando-se a Paixão de Jesus poderiam se aplicar nesta paixão do Santo Padre e especialmente esta: «Eu sou o Bom Pastor que dá a sua vida pelas ovelhas.» Possam estes exemplos nos animar na certeza que a santidade é possível, que ela é um dom de Deus no coração de cada um de nós.

Ir. Laetitia, maio 2011

Voltar para o início