• 2 de outubro de 2015
pt_br

Florencia e Xavier, de missão na Fazenda do Natal

Como vocês resolveram sair de missão? Com Xavier, meu marido, tínhamos uma vida bem organizada: éramos casados, tínhamos um trabalho e um apartamento. Mas faltava uma coisa muito importante para nós: um sentido. E assim enxergamos o quão é importante ajudar o próximo.

JPEG - 63.3 KB

Um grande acontecimento que te tocou? É difícil de falar de um só acontecimento, tem tantas coisas importantes no dia a dia. Mas eu quero falar de Rosa, uma mulher de um povoado vizinho, que era depressiva. Depois de algumas visitas, cultivando uma amizade com ela, dá para ver que seu rosto se tornou uma prova de felicidade. A historia dela nos deu muita esperança.

A Fazenda descrita em uma frase sua? Deus no meio da Natureza... um paraíso terrestre!

Vocês acolheram um adolescente na sua casa. O que vocês apreenderam dele? Que criar uma criança é um trabalho cotidiano...nunca se encontra um ponto final, é como se fosse uma planta que nunca se pode esquecer de regar. Precisa de muita paciência, compreensão, e sobre tudo, de amor.

Uma pessoa, uma criança que te fez crescer? Sem dúvida, o meu filho Tiago. Eu cheguei grávida na missão e tive meu filho aqui em Salvador. Me tornar mãe é, com certeza, um grande acontecimento que mudou a minha vida e me fez crescer além da missão! É uma graça visitar os povoados vizinhos. Nossa presença, Xavier, eu e Tiago é um testemunho que devolve esperança aos habitantes dos povoados.

Florencia


Voltar para o início